PELA NÃO ULTRAPASSAGEM DAS 35 HORAS DE TRABALHO SEMANAL; CONTRA A SOBRECARGA E DESREGULAÇÃO DOS HORÁRIOS DE TRABALHO; O ECD TEM DE SER RESPEITADO E DIGNIFICADO!
 
PRÉ-AVISO DE GREVE

"Este ano, a ASPL pretende também assinalar esta data com uma atividade de partilha a ser desenvolvida no decurso da III edição do Seminário: "Educação e Cidadania no séc. XXI", a ocorrer na tarde do dia 7 e manhã do dia 8 de outubro, portanto, sexta e sábados próximos.
 
Contudo, na noite do dia 5 de outubro, pelas 22.00h, a eucaristia transmitida via facebook e youtube diretamente da Igreja de São Nicolau, em Lisboa, será de Ação de Graças pelos professores e educadores de todo o mundo, pelo seu trabalho e dedicação inexcedíveis, em prol da educação e do ensino, e, em memória dos que já faleceram, em especial os que eram sócios e/ou dirigentes da ASPL."

Leia na íntegra mensagem da Presidente da ASPL

Ação de Formação de Curta Duração (6 horas) - releva para efeitos de progressão na carreira docente 
 

Destinatários: Educadores e professores dos Ensinos Pré-escolar, Básico e Secundário, oriundos de qualquer grupo de recrutamento.

07 e 8 de outubro (sexta-feira à tarde e sábado de manhã) | 2022 - AVEIRO | ISCIA
 

 

Aceda ao Formulário de inscrições (presencial) 

Transmissão online - inscrições
 
PROGRAMA

Cartaz-oradores
 

Comemorações do 1º de maio - Dia do Trabalhador (Lisboa e Porto)
A ASPL, na qualidade de membro da União dos Sindicatos Independentes (USI), associa-se às comemorações do 1º de maio, que terão lugar em Lisboa e no Porto.
A Praça do Rossio, em Lisboa, será palco destas comemorações, registando-se a habitual animação cultural, a partir das 14h30. No Porto, as comemorações decorrerão, às 15h00, como habitualmente, na Praça do Cubo (Ribeira).
A ASPL deseja a todos os seus associados um Feliz dia do Trabalhador, lembrando especialmente aqueles que estão a viver circunstâncias mais difíceis, nomeadamente os que estão sem colocação!

A todos continuaremos a representar, a defender e a acompanhar!
Junte-se a nós!
A ASPL, sempre consigo!   

 
Encontra-se disponível, até às 23h59 do dia 17 de abril, no portal da DGAE, a aplicação eletrónica de candidatura a Equiparação a Bolseiro para o ano de 2015/2016.

Consulte respetiva Nota Informativa

Inicia-se a 13 de abril o prazo para a realização das provas orais no âmbito do processo “Cambridge”, podendo os professores que o pretendam, aderindo à greve convocada a esse serviço, não participar nesse processo.
 
Na passada sexta-feira, o MEC contactou as Organizações Sindicais onde, através de ofício, reafirmou o que já ficara previsto em reunião realizada: a) alargamento do período para realização das provas até 22 de maio; b) a componente do teste, na formação dos classificadores, será facultativa; c) dispensa dos docentes da componente de estabelecimento durante o 3º período letivo e mais alguns dias no mês de julho.
 
Leia mais

Já se encontra disponível (na coluna da direita desta página) para visualização, download e impressão o Boletim Informativo da ASPL nº 68 de dezembro de 2014.

 

O Boletim Informativo da ASPL assume-se como um importante espaço para que os nossos associados tenham acesso a um conjunto de informações mais sistematizadas e que, em parte, retratam alguns dos eventos que ocorreram ao longo deste ano. Como sempre, encontrará nesta edição conteúdos importantes para a sua vida profissional e pessoal.

 

A ASPL deseja a todos um Próspero Ano Novo!

Caros colegas associados da ASPL:
        Nesta quadra natalícia, propícia a renovarmos as nossas esperanças e projetos, quando possível no calor do aconchego familiar e com a força das amizades que fomos construindo, apresento em nome pessoal e em nome da direção da ASPL, os votos de que seja um tempo vivido em solidariedade e partilha, da melhor forma possível, e que o novo ano nos permita a concretização dessas mesmas esperanças e projetos.
        O ano que agora termina não foi nada fácil para ninguém, mas, como bem sabemos, para os professores e educadores, as dificuldades multiplicam-se sempre pelo número de alunos que nos são confiados, pois para educar e ensinar é forçoso a atenção e a consideração pelo ambiente sociofamiliar que cada um carrega consigo. E se a este nível tudo se tem degradado, a nível das condições em que desenvolvemos a nossa atividade profissional, infelizmente nada melhora, bem pelo contrário! Os horários de trabalho estão cada vez mais sobrecarregados, sobretudo devido aos cortes orçamentais que impedem a contratação de mais docentes que são absolutamente necessários; as tarefas, designadamente na elaboração/preenchimento de documentos, que nos exigem são cada vez em maior número, muitas vezes sem que se compreenda a sua utilidade ou sentido; as perspetivas de desenvolvimento da carreira estão há muito completamente truncadas, sem que possa haver qualquer melhoria ou mesmo retorno aos níveis salariais anteriores a 2011...
        O desastroso arranque deste ano letivo 2014/2015 foi a gota d' água que fez transbordar a total incompetência e insensibilidade da equipa que tutela a área da educação face à dura realidade vivida quotidianamente nas nossas escolas, sobretudo pelos seus principais agentes: os alunos e os professores/educadores. O mais revoltante é sabermos que tais erros e suas nefastas consequências, podiam e deviam ter sido evitados, pois que nós, como professores e dirigentes sindicais responsáveis e atentos às propostas governamentais, alertamos muito atempadamente os responsáveis destas políticas absurdas e profundamente nocivas.
        Leia mensagem na íntegra